ARTISTA

Tales Jaloretto

Videos

Release

Nasce em 1980 na cidade de São Bernardo do Campo, São Paulo, Brasil.

Inicia estudos de artes cênicas em 1995, no Teatro Escola Macunaíma, Escola Livre de Teatro e UNESP. Atuou em 29 espetáculos, cujo

principais sob direção de Juliana Galdino, Dagoberto Feliz, Daniele Abaddo, Luiz Fernando Marques, Edgar Castro. Destaque para Prêmio

melhor ator em O Doente Imaginário de Moliére, e Prêmio de Melhor iluminação por seu trabalho autoral Quando Chuvava em Mim. Estuda

Viewpoints e Suzuki com cia ArteHúmus, música e criação para cena com Théâtre du Soleil, participa de oficina com importantes artistas,

grupos e pensadores do teatro como Teatro da Vertigem, Andriy Zholdak, La Pocha Nostra, Ruy Castro, Ondina Clais, Cacá Carvalho e

Chico Carvalho.

Em 2008, forma-se em comunicação social – jornalismo, e especialização em jornalismo cultural, em Madri, na Espanha. Artigo publicado

em revista acadêmica, reportagens e ensaios publicados em revistas no Brasil, Espanha, Portugal e Romênia. Tem poesias publicadas em

sete antologias poéticas e distribuída na FLIP – Feira Literária de Parati. Prêmio Literacidade pelas poesias Poema protesto para brincar

de ser Fernando Pessoa, Soma ou some ou morra; e no Festival Icozeiro com a poesia Quando Chuvava em Mim. Participa como poeta do

Proyecto Internacional de Poesia Grafica que circula por 11 países, e realiza a curadoria no Brasil.

Foi agente exibidor e divulgador do cinema nacional pela Rede Brazucah de 2008 a 2012 com quatro sessões mensais gratuitas no ABC.

E inicia estudos de atuação para cinema, em 2011, na Escola Livre de Cinema e Vídeo, Instituto Stanislavski e AP 43, e História do Cinema

Mundial e Brasileiro pelo MIS, Catavento Cultural e em Madri, na Espanha. Gradua-se em 2019 na EICTV – Escuela Internacional de Cine y

Tv, de Cuba, em direção de atores e técnica Meisner | Mamet. Atua em 39 filmes, cujo principais longas-metragens são Marighella de

Wagner Moura, Hebe de Maurício Farias, Boca a Boca de Esmir Filho e Juliana Rojas, Elis de Hugo Prata; e nas séries Os Ausentes de

Carolina Fioratti e Raoni Rodrigues, Terrores Urbanos de Fernando Coimbra e Juliana Rojas e Rio Heroes de Pablo Uranga. Em 2016 é

honrado com Winner Oustanding Acting Performer, Burbank, California, pelo filme 2028.

Em 2017 inicia pesquisa em vídeo arte e tem seu trabalho O Grito selecionado para o Festival de Contis, França; Los Angeles Film Festival,

EUA; Porto 7, Portugal; Festival Internacional de Nanometragens. E a obra Sob Os olhOs seUs perPassam o noSso teMpo exibido na VII

Mostra 3M de Arte Digital, e premiado na Mostra Internacional de vídeos de Santo André.

Desde 2014 atua como arte educador em artes integradas, e ministra sua oficina Brinquedos, brincadeiras e outros processos

mirabolantes para crianças entre 05 a 14 anos em programas da Secretarias de Cultura de São Paulo, São Bernardo do Campo e Santo

André; e na Secretaria de Educação de São Paulo.

Currículo

Cinema - Longas-metragens

2019. A3. Beto Ribeiro. Primebox Brasil | Amazon

2019. Jogos no Espaço. Gastão Coimbra.

2019. Boca a Boca. Esmir Filho e Juliana Rojas

2019. Assalto na Paulista. Flávio Frederico

2019. Atração de Risco. Renato Siqueira.

2018. Hebe. Direção: Mauricio Farias.

2018. Marighella. Direção: Wagner Moura.

2018. Bia (2.0). Direção Cristiano Calegari e Lucas Zampieri. 42ª Mostra Internacional de Cinema de SP

2017. Chorar de Rir. Direção: Toniko Melo

2015. Elis. Direção: Hugo Prata

2013. Diário de Exorcista. Direção: Renato Siqueira. NET FLIX. Europa Filmes

2013. Homens da Pátria. Direção: Gastão Coimbra. TURNER. O2 Play.

2012. Operação Condor. Direção: Rubens Crispin. Discovery Channel.

TV - Séries

2019. Os Ausentes. Direção: Carolina Fioratti e Raoni Rodrigues. TNT

2018. Terrores Urbanos (episódio 3). Direção: Fernando Coimbra (Juliana Rojas). Record

2017. Rio Heroes. Direção: Pablo Uranga. FOX

2017. O Negócio. Direção: Michel Tikhomiroff; Júlia Jordão. HBO.

Cinema - Curtas-metragens

2019. Solitude. Lucas Tomaz Neves.

2018. Boca de Lobo. Criolo. (clipe musical). Dir: Denis Cisma

2018. Sob os olhos seus perpassam o nosso tempo de Tales Jaloretto. Prêmio Mostra Internacional de Vídeos Santo André.

2015. A Primeira Mulher de Alexandre Mortágua. Budapest Film Festival; Short Movie Club, Minsk, Rússia

2014. 2028 o filme de Jorge Mendes. Winner Outstanding Acting Performance, Zed Film Festival 2015, California/EUA.

2014. A Billings é Nossa de Andrews Nascimento. 9º Festival Internacional da Mostra Competitiva Nacional de Brasília.

2013. JairBoris de Lincoln Péricles. 17ª Mostra de Cinema de Tiradentes; 25º Fest Internacional Curtas Metragens SP.

2013. Na Esquina de Ivan Ribeiro. 22º Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade.

2013. (Dí) Vida de Cleber Almeida. XXX Festival de Cine de Bogotá

2012. Isso é uma Comédia Desgraçada de Lincoln Pericles. 4ª Filmworks Film Festival, AIC.

2012. Ageusia de Margarida Amorim e Jorge Pezollo. Cinema sínteses e multiplicidades, SESC Santo André

2011. Lacônica de João Marcelo Salazar. Cinema sínteses e multiplicidades. SESC Santo André

2011. Natal de Tonho de Andrews Nascimento. 37º Festival Guanicê de Cinema; 8º Festival Visões Periféricas, RJ.

Teatro

2019. Vidas Mediocres ou Almas Líricas. De Anton Tchekhov. Direção: Leonardo Karasek. Cia da Revista

2018|19. Aprendi a voar Quando Fui empurrado do Precipício. Direção|concepção|atuação|dramaturgia: Tales Jaloretto

2018. É samba na veia, é Candeia. Direção Leonardo Karasek. Teatro Oficina.

2016. Vagina Dentata. Direção: Roberto Alvin. Club Noir.

2016. Neverland ou as (in)existentes Faixa de Gaza. Direção: Evill Rebouças

2016. Performix. Direção: Christopher Kriese

2016. Quando Chuvava em Mim de Tales Jaloretto. Direção: Sérgio Pires. Melhor iluminação: XII Festibi 2016.

2015. Spiritus Mundi vs Aztec Ouroborus. Direcão: La Pocha Nostra. II Bienal Teatro USP.

2015. Mikado. Direção: Lilibeth Cuenca Rasmussen. Galeria Vermelho. Verbo

2014. Água: Arte e Sustentabilidade. Direção: Gisele Arantes

2014. Le Devin du Village de Jean-Jacques Rousseau. Direção: Dagoberto Feliz. TUCA Arena.

2012. La Traviata”, de Giuseppe Verdi. Direção: Daniele Abbado. Theatro Municipal de São Paulo

2012. Nossa Cidade. Direção: Luiz Fernando Marques(Lubi). Escola Livre de Teatro.

2009. Shakespiration ( Sonhos de uma noite de Verão). Direção: Edgar Castro. Escola Livre de Teatro.

2008. O Doente Imaginário de Moliere. Encenção: Andrea Weber. Prêmio melhor ator no Festival Celso Ribeiro

Periodista Cultural e Mediador Cultural. 2010

Centro Cultural NIRAM ART – Madrid | Espanha

Temas: O cinema novo e Glauber Rocha; Miquel Barceló; Samsor Flexor; Tolstói; Dostoievski; Eugène Ionesco;

Agente difusor e exibidor. 2008 a 2012

Rede Brazucah de Difusão do Cinema Nacional

Filmes exibidos: Amor? de João Jardim; O Contador de Histórias de Luiz Villaça; Pro Dia Nascer Feliz de João Jardim; Raul – o

Início, o Fim, o Meio de Walter Carvalho; Uma Noite em 67 de Renato Terra e Ricardo Calil (debate com diretores)

Formação Acadêmica

EICTV: Escuela Internacional de Cine y TV. (Havana, Cuba). Direção de atores e Técnica Meisner | Mamet. Extensão. 2019

UNESP: Universidade Estadual de São Paulo. Laboratório de Práticas Atorais (LAPCA). Extensão. 2014 a 2016.

I | ART: Instituto Superior de Artes, Madri, Espanha. Jornalismo Cultural. Especialização. 2010.

USCS: Universidade Municipal São Caetano do Sul. Comunicação Social: Jornalismo. Bacharelado. 2005 a 2008.

USCS. Grupo de Pesquisa Diversidade, Inovação e Comunicação (DIC). Iniciação Científica. 2007 a 2008.

FASCS: Fundação das Artes de São Caetano do Sul. Teoria Musical (incompleto). Técnico. 2004 a 2005.

Formação Profissional

Oficina de Interpretação com foco na composição de cena com Chico Carvalho. Teatro de Arena. 20h. 2018

Oficina de Teatro: Uma jornada Particular com Cacá Carvalho. Itaú Cultural. 10h. 2018

Técnicas de feedback, mediação em processo criativo com Georg Weinand. Mostra Internacional de Teatro SP. 25h. 2018

Atuação para Cinema com Nara Sakare. AP 43. 80h. 2017.

Produção de elenco e atuação cinema (feedback) com Diana Galantini. 20h. 2017.

Éthude Stanislavsk com Ruy Castro e Ondina Clais. CitEcum. 40h. 2016

Paralela Noir com Roberto Alvim e Juliana Galdino. Club Noir. 144h. 2016.

Workshop Profissão Ator com Cibele Santa Cruz, Ciça Castello e Marcela Altberg. El3nco Producões. 20h. 2016.

Os atores de Cassavetes com Cristiano Burlan. CineSesc. 15h. 2016.

Laboratório com educadores. 32ª Bienal de São Paulo. 20h. 2016.

Workshop Exercises for Rebel Artists com La Pocha Nostra. II Bienal de Teatro da USP. 50h. 2016.

Jogos e brincadeira de Moçambique com Lenna Bahule. Sesc Vila Mariana. 25h. 2016.

Teatro do Risco: como matar o mau ator com Andriy Zholdak. Mostra Internacional de Teatro São Paulo. 20h. 2015.

Experimentação Cênica com Roberto Audio. Teatro da Vertigem. 80h. 2013.

Workshop Téâtre du Soleil com Juliana Carneiro da Cunha e Eve Bruce. Oficina Oswald de Andrade. 20h. 2013.

Atuação e direção com Tristan Aronovich. Instituto Stanislavsky. 900h. 2011 a 2012.

A pesquisa musical e a criação para cena com Jeans-Jacques Lemetre. Sesc Consolação. 20h. 2012.

Interpretação em cinema com Luciana Canton e Fabio Menezes. Escola Livre de Cinema e Vídeo. 50h. 2011 a 2013.

Técnicas de View Point/Suzuki com Roberta Bechara Ventura. Cia Artehúmus. 20h. 2010 a 2013.

História do Cinema e História do Cinema Brasileiro com Marcelo Lyra. MIS e Catavento Cultural. 40h. 2012

Teatro Laboratório com Edgar Castro. Escola Livre de Teatro. 900h. 2008.

Crítica Teatral com Kil Abreu. Escola Livre de Teatro. 120h. 2010.

Formação de atores. Escola Nacional de Teatro. 900h. 2006.

Curso preparação de atores. Teatro Escola Macunaíma. 350h. 2000.

Habilidades | Hobbies

Canto: barítono extensão tenor II, (coral),

Instrumentos: violão, berimbau,e percussão (amador)

Linguas: Espanhol fluente, inglês intermediário

Esportes: Natação, Capoeira, Basquete, Corrida (praticante)